Postagens

Mostrando postagens de Agosto, 2016

Desafio literário 2016- 13º livro concluído.

Imagem
Oi gente,boa noite! Continuando firme no desafio. Hoje terminei de ler o 13º livro,item 18: Um livro da sua infância. Título: O meu pé de laranja lima Autor:José Mauro de Vasconcelos. Este livro tem o cheirinho e o sabor da minha infância! Meu resumo: O personagem principal,Zezé,é um garoto de 5 anos,quase seis,muito precoce,inteligente(aprende a ler sozinho) e criativo. Ele também é muito sapeca,vive fazendo artes,e apanha muito por causa disso,chega a dar dó quando ele leva surra dos familiares! Tem um confidente a quem conta todas as suas aventuras,um pequeno pé de laranja lima que tem no quintal de sua casa. Zezé tem um coração enorme,capaz de atitudes que tocam profundamente o leitor. Muito pobre,o pai desempregado,passa constantemente privações junto com a família. É uma história triste e ao mesmo tempo  linda e emocionante! Eu chego a chorar quando leio esse livro,e qdo termino a leitura,sempre sinto vontade de ler novamente. Pode ser lido por pessoas de

Desafio literário 2016-12° livro concluído.

Imagem
12° livro do desafio: Item 7: Um livro que vc sempre quis ler. O diário de Anne Frank Gente acabei de ler este livro e confesso que amei! Só não gostei mais porque li eBook, e eu,sinceramente prefiro ler livro de papel,sou antiquada ainda no que se refere a livros,rsrsrs... Sabe aqueles livros que a gente começa a ler e não consegue mais parar?Pois é,este é o caso! A garota Anne,era extremamente alegre,extrovertida,inteligente e cativante! Ela queria ser jornalista e escritora no futuro(na verdade tornou-se uma  escritora através da escrita do seu diário),pena que a maldade humana não permitiu que fosse mais além! Perdemos um grande talento pra estupidez  do homem! Espero que leiam e apreciem! Sinopse: http://www.infoescola.com/livros/o-diario-de-anne-frank/ O Diário de Anne Frank foi composto pela então adolescente Anne Frank, no período que se estende de 1942 a 1º de agosto de 1944. Este poderia ser um diário escrito por qualquer garota de 13 anos, nos tempos at

Desafio literário 2016- 11° livro lido.

Imagem
Oi gente,boa tarde! Trazendo hoje a conclusão de mais um livro do  desafio literário 2016,o item 9: Um livro que vc ganhou. Ganhei este livro do meu irmão Joaquim,o título é: Antologia Poética de Augusto dos Anjos. Adoro poesia,sinto um prazer imenso ao saborear momentos de leitura poética! Não sei se vcs irão gostar do livro,pois Augusto dos Anjos,conhecido como "Poeta da Morte",escreveu apenas poesias relacionadas à morte,melancolia,tristeza...Eu,particularmente gostei,mas sei que tenho que ler novamente,com mais calma e fazer um estudo mais profundo,pois a linguagem de Augusto é bem complexa! Não sei se irão ler,porém se lerem espero que apreciem a leitura! Sinopse:  http://www.desbravadordemundos.com.br/2016/04/resenha-toda-poesia-de-augusto-dos-anjos.html A escrita de Augusto dos Anjos é esmagadora e apaixonante. Sim, a leitura é densa, complexa, profunda, mas totalmente prazerosa. O autor possui um jeito único, até por isso é considerado um dos poetas brasi

Desafio literário 2016

Imagem
Décimo livro lido. Oi gente,boa noite! Tudo bem com vcs? Nunca mais eu tinha postado nada sobre o desafio literário 2016,pois como estava fazendo auto-escola estava sem cabeça  para mais nada!Graças a Deus,finalmente passei,e agora estou mais tranquila,posso relaxar,rsrsrs... Então hoje estou postando o décimo livro lido,o item 16: Um livro de auto-ajuda. Dez leis para ser feliz - de Augusto Cury. É  um livro pequeno,dá pra ler em uma hora,e muito agradável! Tbm já estou lendo o livro número 11 e logo postarei. Sinopse: Editora Sextante "Em  Dez leis para ser feliz vou apresentar princípios para que a vida se torne um grande show. Um espetáculo de felicidade e sabedoria. Este livro é pequeno, mas o conceito sobre o que é a felicidade e os instrumentos para conquistá-la são profundos e desconhecidos. Eles são frutos de mais de vinte anos de pesquisa psicológica e psiquiátrica. As "dez leis" que comentarei democratizam a ciência, pois tornam acessíve